WEST SEA / HISTÓRIA


West Sea

2019
Em janeiro, o início da construção de dois novos Navios Polares de Expedição
Em abril, a entrega dos Navios: Viking Helgrim, AmaDouro e A-Rosa Alva
Em julho, a entrega do primeiro Navio Polar de Expedição, o World Explorer, à Mystic Cruises
Em outubro, a West Sea completa a reparação nº200, ao Navio Erin Schulte
Em dezembro, a adjudicação de 4 novos contratos de Navios Polares de Expedição
No final de 2019, a West Sea completou um total de 13 navios entregues

2018
Em março, a entrega do navio “Douro Splendour” para a Douro Azul.
Em maio, a adjudicação de dois novos contratos de Navios Cruzeiro de Rio   
Em julho, a entrega do NRP Sines à Marinha Portuguesa
Em julho, a entrega da primeira Draga, a José Duarte à empresa Dragus
Em dezembro, a entrega do NRP Setúbal à Marinha Portuguesa

2017
Em janeiro, assinatura do contrato para construção de uma draga para a empresa portuguesa Dragus
Em Fevereiro, a WestSEA completa a reparação nº100, ao navio Le Guerrier
Em março, entrega dos navios Elegance e Serenity para a Douro Azul
Em abril, entrega do navio Emerald Radiance para o grupo Scenice
Em maio, cerimónia de flutuação do NRP Sines

2016
Em março, entrega dos primeiros navios construídos pela West Sea, para a Douro Azul
Em abril, entrega do primeiro navio construído para a Scenic Tours
Em abril, a adjudicação de 3 novos contratos de Construção Naval
Em dezembro, a assinatura do contrato para a construção da Draga José Duarte, para a Dragus

2015
Em janeiro, é efetuado o segundo contrato de construção naval
Em maio, o primeiro aniversário da West Sea como subconcessionária dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo
Em junho, a reparação do Eva Schulte
Em julho, assinatura do contrato para a construção de dois navios patrulha oceânica para a Marinha Portuguesa, NRP Sines e NRP Setúbal

2014
Em janeiro, assinatura do contrato de subconcessão entre a West Sea e a Empordef
Em maio, início de operação da West Sea nos Estaleiros
Em junho, é feito o primeiro contrato de Reparação Naval, com a reparação do navio Roaz
Em dezembro é assinado o primeiro contrato de construção naval

2013
Redefinição da concessão dos terrenos aos ENVC
Subconcessão ao grupo Martifer

Estaleiros Navais de Viana do Castelo - ENVC

2012
Processo de reprivatização do capital social da ENVC
Processo sobre os ENVC na Comissão Europeia

2009
Rescisão pelo Governo dos Açores do contrato do ferryboat Atlântida

2007
Alargamento da área da subconcessão pelos ENVC

2006
Contrato de subconcessão entre os ENVC, S.A. e a Enerconpor

2005
Subconcessão de terrenos pelos ENVC
EMPORDEF passa a deter 100% das ações dos ENVC

2004
Programa Relativo à Aquisição de Navios Destinados À Marinha Portuguesa - PRAN

2001
Contrato de aquisição de dois navios de patrulha oceânico e de combate à poluição

1996/97
Privatização dos ENVC no âmbito do programa de privatizações

1991
ENVC passam a sociedade anónima de capitais maioritariamente públicos

1989
RNovo alargamento do prazo e da área de concessão dos terrenos aos ENVC

1976
ENVC passam a empresa pública

1975
Nacionalização dos ENVC

1974
Novo alargamento do prazo de concessão dos terrenos aos ENVC

1950/52
Alterações ao Pacto Social dos ENVC

1949
ENVC passam a sociedade anónima de responsabilidade limitada
Novo alargamento do prazo de concessão dos terrenos aos ENVC

1948
Alargamento do prazo de concessão dos terrenos aos ENVC
Construção do primeiro navio pelos ENVC

1946
Concessão de terrenos aos ENVC

1944
Criação dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo

PRINCIPAIS PROJETOS